Chimarrão faz Mal?

chimarrãoO chimarrão é uma bebida típica da região sul do Brasil, sendo consumido especialmente no Rio Grande do Sul devido ao clima frio do estado. Porém seu consumo pode trazer riscos a saúde se ele for consumido em excesso sendo importante avaliar alguns tópicos com mais cuidado.

 

Para o coração?

Estudos de especialistas comprovam que o consumo regular do chimarrão faz bem a saúde do coração porque as substâncias presentes na erva-mate previnem doenças cardiovasculares e diminuem o colesterol ruim.

Para o fígado?

O fígado é o órgão responsável por sintetizar a glicose no nosso organismo e o chimarrão tem compostos fenólicos que ajudam nesse processo, ou seja, com o consumo regular do chimarrão, o fígado absorve menos açúcar.

Para quem tem gastrite

O consumo de chimarrão não é indicado para pessoas com problemas de gastrite, pois é uma bebida que estimula a produção ácida e pode piorar o problema, causando dores e desconfortos em quem consome.

Para quem tem diabete?

Problemas de diabetes são causados quando o organismo produz grandes níveis de açúcar no corpo, esse mal pode ter sua origem em uma má alimentação ou um funcionamento ruim dos órgãos responsáveis.  Como o chimarrão auxilia o fígado a processar melhor a glicose, o consumo da erva é recomendado para quem tem problemas de diabetes porque os antioxidantes presentes na bebida combatem os radicais livres. Em uma pesquisa realizada foi comprovado que voluntários que tomaram chimarrão por dois meses tiveram uma queda de 10% na produção de glicose. Porém é importante lembrar que o controle de diabetes não deve ser feito somente com o consumo da bebida mas também com uma dieta balanceada e hábitos saudáveis.

Para quem tem pedra na vesícula?

Como o chimarrão possui cafeína, seu consumo regular pode diminuir o risco do aparecimento do problema, pois ele estimula o funcionamento da Vesícula Biliar, porém a sua ingestão em excesso pode causar a perda das enzimas necessárias para a digestão sendo necessário a sua reposição em outros alimentos.

Para quem tem pressão alta?

O chimarrão tem vitaminas e antioxidantes que melhoram o fluxo sanguíneo e auxiliam no controle do colesterol ruim, porém o seu consumo deve ser evitado por pessoas que sofrem com pressão alta pois o aumento dessa pressão pode agravar os problemas cardiovasculares.

Na amamentação?

O consumo de chimarrão em mulheres que estão amamentando deve ser evitado, pois pode causar cólica, agitação e gases no bebê. O ideal é que a mulher consuma a bebida após amamentar. O mesmo também vale para bebidas como o chá, o chocolate e o café.

 

Na gravidez?

Foi realizada uma pesquisa no Rio Grande do Sul que comprovou que o consumo  de chimarrão durante a gravidez pode fazer mal ao bebê. Devido à erva-mate presente na bebida, a ingestão pode causar sobrecarga no coração e hipertensão pulmonar no bebê. A bebida pode causar um estreitamento arterial na criança a partir do terceiro mês de gestação, o que pode gerar um problema de saúde grave futuramente ou mesmo ser fatal. A pesquisa foi realizada com 50 mulheres grávidas no Rio Grande do Sul e todas as que consumiram alimentos ricos em estimulantes naturais como o chimarrão apresentaram problemas.

Para quem tem hemorroida?

Se a bebida foi consumida nas quantidades recomendadas não existe qualquer prova de que cause hemorroidas, porém como possui cafeína, se consumida em excesso pode causar desconforto em pessoas que possuem esse problema pois o café causa uma desidratação alta no corpo, aumentando assim  o perigo de constipação severa que é a maior origem da hemorroida.

Para quem tem refluxo?

O refluxo ocorre quando o intestino não segura o ácido presente nos alimentos consumidos e algumas bebidas devem ser evitadas para não causar um aumento do desconforto sofrido por quem passa por esse mal. Comidas gordurosas, alimentos muito ácidos ou muito picantes, cigarros e bebidas com cafeína devem ser evitados incluindo o chimarrão.

Para os rins?

O chimarrão funciona com um diurético poderoso, ou seja, aumenta o fluxo urinário nas pessoas que o consomem, auxiliando no funcionamento dos rins nesse processo e eliminando substâncias que podem ser prejudiciais no nosso organismo como o sódio, por exemplo.

Para quem tem labirintite?

O consumo de chimarrão não é recomendado para pessoas que tem episódios de labirintite, pois como possui cafeína, a sua ingestão estimula o labirinto e pode aumentar o causar sensação de tontura, desorientação, surdez, náusea, vômito, suor frio e palpitações.

Para o estomago?

Tomar chimarrão não faz mal algum para o estômago, pelo contrário, auxilia no processo de digestão do nosso organismo e faz com o que o intestino funcione melhor devido as suas substâncias digestivas laxativas que combatem a constipação intestinal.

Tem cafeína?

Um dos compostos do chimarrão é a cafeína e seu consumo pode trazer a sensação de bem-estar, disposição e combate o cansaço físico e mental reduzindo a fadiga e inclusive é recomendado para a prática de atividades físicas pois é um energético natural.

 

Tomar chimarrão todos os dias faz mal?

O consumo diário de chimarrão não causa mal a saúde, o consumo ideal seria de 6 a no máximo 10 cuias por dia pois seu consumo em excesso pode causar agitação e irritação e até ansiedade devido a cafeína presente na bebida.

Chimarrão em jejum faz mal?

Não existe nenhuma prova de que o consumo do chimarrão em jejum faz mal e inclusive ele é recomendado para pessoas interessadas em perda de peso e faz parte da rotina de diversas pessoas que tomam a bebida.

Chimarrão a noite tira o sono ?

Como o chimarrão contém cafeína e erva-mate em sua composição, não é indicado o seu consumo perto da hora de ir dormir. Entretanto como é um energético natural, a bebida é indicada para antes da prática de atividades físicas ou no início do dia, por exemplo.

O chimarrão pode causar câncer?

Se consumido corretamente o chimarrão não causa câncer em quem o consome. Porém é necessária uma atenção especial na temperatura da água, pois foi comprovado que água muito quente pode causar lesões na parte interna da boca e da garganta o que pode contribuir para tumores no esôfago.

 

Descubra como fazer o chimarrão